Cuanza Sul

O Cuanza-Sul é uma província Angolana, que dista a 330 km da cidade capital Luanda e 208 km da cidade de Benguela, com uma superfície total de 55.660 km² e população estimada em 1.793.787 habitantes. Apresenta uma temperatura média de 26ºc, clima tropical seco/húmido, com florestas no interior e estepes no litoral. Dista a 317 km até ao Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro, à 196 km do Aeroporto Internacional da Catumbela, Província de Benguela. Distancia-se a 322 km do Porto de Luanda e 185 km do Porto do Lobito Província de Benguela.

A Província é essencialmente agrícola, cultivando principalmente, café, palmares, jinguba, milho, feijão, tomate, repolho, couve, sendo as suas principais actividades a agro-pecuárias e a pesca. No sector agro-pecuário, destacam-se a hortofrutícola e a criação de gado bovino, caprino e suíno, etc.

Rica em recursos naturais, o Cuanza sul esmera-se com as suas águas termais, e recursos como o Cobre, o Gesso, o Calcário, o Caulino, o Quartzo, o Diamante, o Ouro, o Petróleo, a Mica, o Níquel, etc.

As línguas nacionais mais faladas são: o Umbundo, e o Kimbundo, sendo as demais suas variantes.

Sua capital é Sumbe, constituída por 12 Municípios nomeadamente: Município do Sumbe, Porto- Amboim, Cela, Conda, Seles, Ebo, Quibala, Libolo, Quilenda, Cassongue e Mussende.

A fundação desta província ocorreu na foz do rio Ngunza, em 1769, pelo Governador Geral de Angola, D. Francisco Inocêncio de Sousa Coutinho. O rio Ngunza recebeu o seu nome em homenagem ao então soba Ngunza Kabolo.

A 15 de Setembro de 1917 assinala-se a divisão do Distrito do Kuanza, em Cuanza-Sul e Cuanza-Norte, com base o Decreto Legislativo nº3365.

Informações

Ver mais